As razões do sucesso do Instagram

Hoje em dia o Facebook é uma rede social utilizada fundamentalmente por pessoas com mais de 45 anos.

Nos últimos anos os mais novos migraram para o Instagram ou já nasceram na era do Insta.

E porque é que isto aconteceu?

O Instagram é uma feira de vaidades assente numa sucessiva publicação de fotos onde os jovens procuram likes e mais likes, competem por likes com os amigos seguindo os seus heróis de pés de barro como são os modelos, os artistas, músicos e os “influencers”.

É uma rede social estética.

Os anunciantes seguiram o mesmo caminho. Migraram no caminho do seu público-alvo.

No Instagram a soma da opinião, debate, reivindicação, pensamento e reflexão traduz-se num resultado igual a zero.

Pensar, opinar, reivindicar, debater ou reflectir dá algum trabalho e pode ter custos mas não o fazer terá com certeza, no futuro, um preço muito mais elevado a pagar.

O espírito critico reduziu-se ao efémero, ao belo e ao bonito.

No fundo os mais jovens renderam-se ao ilusório.

Não conheço os argumentos ou razões que levaram à escolha do nome “Instagram” para esta rede social. Mas parece-me que terá tido origem no cruzamento da palavra inglesa “instantaneous” com “gram” que no latim significava escrita ou registo.

De instantâneo o Instagram tem tudo, de escrita não tem nada, mas tem muito de registo, sobretudo de registo fotográfico.

É comum dizer-se que uma imagem vale mais que mil palavras porém a utilização desta expressão não passa a maioria das ocasiões de um mero slogan usado de forma muito conveniente.

Nada como a palavra escrita que foi fundamental para a divulgação da história, do conhecimento e para as conquistas das liberdades e da democracia, nos tempos da inquisição, da censura e dos regimes ditatoriais.

Não foi for acaso que a palavra escrita foi considerada durante séculos como a mais importante das armas utilizada pelos criadores, pelos pensadores e pelos intelectuais usada de forma letal face aos regimes opressores que pretendiam trucidar o livre pensamento, o conhecimento e a ciência que foram sempre os motores de desenvolvimento do mundo.

Esta opção dos mais jovens pelo Instagram foi uma escolha pelo caminho mais fácil, pelo agora, pelo momento, pelo instantâneo.

As opções pelos caminhos mais fáceis, em regra, mais cedo ou mais tarde, produzem maus resultados.

Espero estar enganado.

Paulo Vieira da Silva

Gestor de Empresas – Licenciado em Ciências Sociais – Área de Sociologia

(Por decisão pessoal, o autor do texto não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico)

Gosto(7)Não Gosto(0)

Deixe Um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.