Rikers Island: o mundo dos horrores

 

Debaixo dos holofotes da Big Apple, da meca do capitalismo selvagem e do baboso discurso demagógico que os Norte-Americanos possuem sempre que o assunto em causa sejam os mais elementos Direitos Humanos, jaz Rikers Island, um dos maiores complexos prisionais do mundo. Adjacente ao aeroporto internacional de La Guardia, a meio caminho entre Queens e a parte continental do Bronx, este complexo prisional de alta segurança construído em 1932 que tem como função receber presos de alta segurança com graves distúrbios psíquicos está a chocar toda a América, devido aos inúmeros de casos de violência registados nos últimos anos. O caso mais grave e que de resto está a chocar a América nos últimos dias foi o caso da morte de um preso de 39 anos chamado Braddley Ballard. A história de Ballard é uma das dezenas de história que mostra os atropelos aos direitos humanos que são cometidos diariamente nas cadeias norte-americanas, relembrando ao mundo que os Estados Unidos são efectivamente o país que mais atropela os direitos mais básicos do ser humano.

Não tenho qualquer problema em afirmar com toda a segurança que qualquer prisão cubana ou Venezuela terá melhores condições do que uma prisão como Rikers Island. É um facto. Bastará ver estas imagens gravadas pelo histórico programa Norte-Americano 60 segundos.

(Ler Mais…)

Gosto(0)Não Gosto(0)