Marco António Costa, o “Alpinista Politico“, os “SHM” e a sua “Rede“

Hoje faz dois anos que fiz chegar uma denúncia à Sra. Procuradora Geral República, Dra. Joana Marques Vidal, ao Sr. Director Nacional da Polícia Judiciária, Dr. Almeida Rodrigues, e ao Director do DCIAP, Dr. Amadeu Guerra, relativamente ao vice-presidente do PSD, Marco António Costa.

Não retiro uma vírgula ao que escrevi há dois anos. Tudo o resto consta do processo que continua em investigação que um dia será tornado público. Ao longo destes dois anos em tudo colaborei com as entidades judiciais. Nunca violei o segredo de justiça. E assim será até ao fim.

(Ler Mais…)

Gosto(48)Não Gosto(1)

Marco António não chore, faça oposição e vá a votos

O novo ano trouxe-nos o reaparecimento de Marco António Costa. Depois de longos meses praticamente desaparecido – vá-se lá saber porquê – o vice-presidente do PSD aparece agora – tipo calimero – preocupado com a “batota pré-eleitoral” que o Governo socialista estará a preparar para o processo eleitoral autárquico que se avizinha afirmando que “vai ser o vale tudo”.

Afasta-se o “profeta” com ameaça da vinda do “diabo” e aparece o “bruxo” a prever a chegada dos “batoteiros”. Agora todos os argumentos servem ao PSD para justificar uma previsível derrota nas próximas eleições Autárquicas.

(Ler Mais…)

Gosto(21)Não Gosto(2)

Marco António Costa: Porto? Não. E Gaia?

foto@aventar

foto@aventar

Ontem numa entrevista ao “Jornal I” Marco António Costa descartou “total e definitivamente“ a sua candidatura à Câmara Municipal do Porto.

A mesma notícia estranhamente não faz qualquer referência à possibilidade que seria a sua natural candidatura autárquica. E esta seria, sem dúvida, uma candidatura à Câmara Municipal de Gaia.

Tal como refere a notícia Marco António Costa foi recentemente condecorado com a medalha de mérito – grau ouro, por Eduardo Vítor Rodrigues, o autarca socialista, que tem elogiado o antigo vice-presidente da Câmara de Gaia.

Aliás, neste caso em concreto, depois de tanta polémica sobre a dívida da autarquia esta medalha é mesmo o maior elogio que Luís Filipe Menezes poderia receber do Partido Socialista, nomeadamente de Eduardo Vítor Rodrigues.

(Ler Mais…)

Gosto(6)Não Gosto(4)

Pela verdade, sempre!

mac_evr

No passado dia 30 de Outubro, através de email, solicitei ao presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, toda a documentação relativa ao processo de atribuição da medalha de mérito profissional – grau ouro a Marco António Costa. No email de resposta Eduardo Vítor Rodrigues, entre outras coisas, transmitiu-me que tinha, e passo a citar, “intentado um processo-crime… sobre este assunto” contra a minha pessoa.

(Ler Mais…)

Gosto(85)Não Gosto(4)

Rui Moreira pode perder apoio do CDS: a caminho pode estar uma candidatura de Marco António Costa

foto@publico

foto@publico

No último Congresso Assunção Cristas anunciou o apoio a Rui Moreira nas próximas eleições autárquicas afirmando que “posso dar o exemplo da Câmara do Porto. O CDS apoiou desde a primeira hora a candidatura independente de Rui Moreira e com ele temos governado a autarquia. Se decidir candidatar-se de novo, proporei aos órgãos do CDS a renovação do apoio à sua candidatura”.

Após estas declarações parecia que o apoio a Rui Moreira era definitivo. Mas afinal pode não ser. Nos últimos dias o presidente da Distrital do Porto do CDS, Álvaro Castello-Branco, disse que “nunca falei sobre esta questão com o Rui Moreira e também não sei o que é que ele pensa em relação ao futuro”. Entendo que estas declarações são no mínimo estranhas depois da posição pública de Assunção Cristas deixando agora uma porta aberta a uma eventual coligação entre PSD e o CDS na cidade do Porto.

Porém não acredito que seja um apoio a uma recandidatura de Rui Rio até porque não acredito que o ex-presidente da Câmara da Invicta esteja disponível.

É publico que Álvaro Castello-Branco e Marco António Costa são muito próximos. Por isso vejo muito mais nas declarações de Castello-Branco a possibilidade de um apoio do CDS a uma eventual candidatura de Marco António Costa à Câmara do Porto. (Ler Mais…)

Gosto(8)Não Gosto(2)

Marco António Costa e os equívocos da atribuição de uma medalha

mac_evr

O actual Presidente da Câmara de Gaia, o socialista Eduardo Vítor Rodrigues, tem-se enredado em argumentos equívocos para tentar justificar a distinção com que agraciou Marco António Costa, atribuindo-lhe, no passado dia 1 de Julho, a Medalha de Mérito Municipal – Grau Ouro.

Eduardo Vitor Rodrigues foi, até ao momento, incapaz de esclarecer os cidadãos de Gaia e o próprio País, sobre os verdadeiros motivos que o conduziram a um gesto político tão absurdo e, para muitos, ofensivo, condecorando um dos responsáveis principais pela dívida astronómica do Município de que tanto se queixou nos últimos 3 anos.

(Ler Mais…)

Gosto(33)Não Gosto(2)

Carta aberta ao Exmo. Sr. Presidente da Câmara de Gaia

20160809_003953

Caro Eduardo Vítor Rodrigues, respondo-lhe publicamente ao seu artigo de opinião no JN, não só como cidadão, mas também como munícipe do Concelho de Gaia.

Começo por o informar que sou apartidário, sem qualquer tipo de enquadramento político ou filiação. De facto, acho a política um mal necessário, e tenho uma repulsa completa por ideologia de pacote.  Tento, sempre que me é possível, participar no processo democrático, que vejo como um dever, não como um direito. Não voto em partidos, voto em pessoas.

(Ler Mais…)

Gosto(104)Não Gosto(7)

As prioridades do Presidente da Câmara de Gaia

 

evr_mac_socialmedia

Nas eleições autárquicas de 2013 os gaienses tomaram a decisão de eleger Eduardo Vítor Rodrigues como novo Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia.

Apesar de estarmos afastados do ponto de vista ideológico eu próprio criei expectativas positivas sobre o desempenho do novo Presidente atendendo a que tinha sido, no ano de 2005 ou 2006, meu Professor do Mestrado em Sociologia na Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Apesar de não nos conhecermos anteriormente fiquei com uma boa impressão pessoal mantendo, desde essa data, uma relação cordial com o Professor Eduardo Vítor Rodrigues.

Nos primeiros tempos do mandato cheguei mesmo a elogiar algumas iniciativas do actual executivo camarário. Independentemente da cor política entendo que se deve elogiar quando as iniciativas são boas, mas também temos o dever de criticar quando as atitudes assim nos obrigam em consciência.

E confesso que nos últimos tempos a acção política de Eduardo Vítor Rodrigues têm-me deixado muito desiludido.

(Ler Mais…)

Gosto(44)Não Gosto(7)